Previsão do Tempo

RUSSAS

29ºC

NOTÍCIAS / POLÍCIA

PF vai auxiliar SSPDS a reprimir roubos a banco

Óticas Diniz

Diário do Nordeste

04/10/2013

Enviar por e-mail
Imprimir notícia

Uma reunião demorada e a portas fechadas na sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), na tarde e noite de ontem, tratou de ações de inteligência que serão deflagradas a partir de hoje em todo o Estado com um objetivo, a desarticulação de várias quadrilhas que vêm atacando cidades do Interior cearense e explodindo agências bancárias.

De 1º de janeiro até ontem, 67 agências foram assaltadas e, em 27 delas, houve explosões.

Ficou definido que a Polícia Federal vai atuar em parceria com a SSPDS na investigação e prisão dos criminosos. A força-tarefa será composta também pela Coordenadoria de Inteligência da própria Pasta (Coin), o Comando do Policiamento Especializado (BPE) e a Polícia Civil, através do seu Departamento de Inteligência Policial (DIP) e Delegacia de Roubos e Furtos (DRF).

Capturar

A reunião foi comandada pessoalmente pelo secretário da Segurança Pública, delegado federal Servilho Silva de Paiva, e os comandantes e delegados de todas as unidades que vão atuar no combate ao crime, entre eles a nova chefe da Coin, delegada Adriana Câmara, além do coronel PM José Maria Barbosa Soares, do BPE; e do chefe da Coordenadoria de Inteligência da Polícia Militar, coronel Adriano de Sousa Soares Ferreira.

Também foram convidados para a reunião representantes dos setores de inteligência dos bancos e das empresas que atuam no setor de transporte de valores (carros-fortes).

O objetivo da reunião foi delinear as novas estratégias que a Pasta vai adotar para a identificação, localização e prisão dos chefes das quadrilhas que vêm assaltando os bancos no Ceará.

O compartilhamento de informações entre os núcleos de Inteligência e contra-inteligência e das instituições financeiras tenta chegar, o mais rápido possível, aos ´cabeças´ dos grupos armados que estão atormentando o Interior cearense, com ataques violentos e ousados não apenas contra as agências, mas se estendendo às unidades policiais que contam com efetivos diminutos.

Na semana passada, em pouco mais de 12 horas, três bancos foram assaltados no Interior e nenhum suspeito foi preso, fato que teria levado o secretário Servilho Paiva a convocar os chefes das unidades operacionais e de Inteligência para pedir explicações. Ao mesmo tempo, ele teria decidido recorrer à Polícia Federal (seu órgão de origem) para colaborar na montagem e participar da força-tarefa que vai buscar prender as quadrilhas.

Ataques

Neste ano, já foram explodidas agências bancárias das seguintes cidades, São Gonçalo do Amarante, Senador Sá, Monsenhor Tabosa, Pacatuba, Jijoca de Jericoacoara, Tejuçuoca, Palmácia, Morada Nova, Mauriti, Apuiarés, Jaguaribara, São Luís do Curu, Tamboril, Pentecoste, São João do Jaguaribe, Baturité, Aracati, Aiuaba, Umirim, Boa Viagem, Pindoretama, Meruoca e, por último, Frecheirinha.

Algumas agências foram atacadas mais de uma vez neste ano, é o caso dos Municípios de Baturité, Palmácia, Apuiarés São Gonçalo do Amarante e Monsenhor Tabosa.

Além de explosivos, as quadrilhas estão de posse de armas de grosso calibre e muitas de uso exclusivo das Forças Armadas, como fuzis de calibres 5.56 e 7.62. Em vários ataques, as sedes dos destacamentos da PM e viaturas foram metralhados.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da TV RUSSAS. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. TV RUSSAS poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
PUBLICIDADE | ANUNCIE

VITRINE

REDES SOCIAIS

  • Facebook
  • Twitter
  • Soundcloud
  • Youtube

©2009 - 2017 TV Russas - Conectando você à informação

www.tvrussas.com.br - Todos os direitos reservados