Previsão do Tempo

RUSSAS

31ºC

NOTÍCIAS / CEARÁ

Russano Allan Deberton conquista prêmio de Melhor Produção Cearense no 23º Cine Ceará

Óticas Diniz

Diário do Nordeste

16/09/2013

Enviar por e-mail
Imprimir notícia

A 23ª edição do Cine Ceará - Festival Ibero-americano de Cinema, consagrou o longa-metragem espanhol "Emak Bakia" com o troféu Mucuripe como melhor filme na noite do último sábado (14). A cerimônia aconteceu no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura.

O festival começou dia 7 de setembro e terminou no último sábado (14) com a premiação. Foto: Divulgação

O longa de Oskar Alegria narra a busca de uma casa na costa basca, na qual o lendário artista norta-americano Man Ray fez seu primeiro filme em 1926, intitulado "Leave me alone". Além de levar o troféu Mucuripe de melhor som, Prêmio da Crítica e Prêmio Olhar Universitária, o filme também garantiu o prêmio de U$$ 10 mil.

Entre os filmes mais premiados do festival está o brasileiro "Se Deus Vier que Venha Armado", de Luis Dantas, com três prêmios (direção, ator (Ariclenes Barosso) e fotografia (Hélcio "Alemão! Negamine".

Homenagem a Marcos Palmeira

O ator Marcos Palmeira subiu ao palco do teatro do Dragão do Mar para receber o troféu Eusélio Oliveira, homenagem do Cine Ceará por sua contribuição ao cinema do País. Ele acabou de completar 50 anos, sendo 44 só de carreira artística.

Atuou em mais de 30 filmes, entre eles Memórias do Cárcere” (Nelson Pereira dos Santos), “Um Trem para as Estrelas” (Cacá Diegues), “Carlota Joaquina” (Carla Camuratti) e o recente “Vendo ou Alugo” (Betse De Paula).

Confira lista dos ganhadores

Mostra Competitiva Ibero-Americana e Longa-Metragem

Troféu Mucuripe para todas as categorias e 10 mil dólares para o melhor longa
Melhor Longa: "Emak Bakia", de “Oskar Alegria” (Espanha)
Melhor Direção: Luis Dantas por "Se Deus Vier que Venha Armado" (Brasil)
Melhor Fotografia: Hélcio "Alemão" Negamine por "Se Deus Vier que Venha Armado" (Brasil)
Melhor Edição: Luciano Origlio por "Mercedes Sosa" (Argentina)
Melhor Roteiro: Diego Fernández Pujol por "Rincón de Darwin" (Uruguai)
Melhor Som: Abel Hernández por "Emak Bakia" (Espanha)
Melhor Trilha Sonora Original: Ney MatoGrosso por "Olho Nu" (Brasil)
Melhor Direção De Arte: Gonzalo Delgado por "Rincon de Darwin" (Uruguai)
Melhor Ator: Ariclenes Barroso por "Se Deus Vier que Venha Armado" (Brasil)
Melhor Atriz: Laura de La Uz por "O Filme de Ana" (Cuba)

Prêmio Especial do Júri: "O Paciente Interno" - Pelo esforço investigativo. Pelo poder da história que resgata um conturbado período histórico da América Latina.

Jurados: António Costa Valente (Portugal), Diana Karklin (Rússia), Elena Soarez (Brasil), Jorge Abello (Cuba) e Tania Hermida (Equador)

Mostra Competitiva Brasileira de Curta-Metragem

Melhor Curta: “Jessy”, de Paula Lice, Rodrigo Luna e Ronei Jorge (Bahia)
Melhor Direção: “Sanã”, de Marcos Pimentel (Minas Gerais/Maranhão)
Melhor Roteiro: “O que lembro, tenho”, de Raphael Barbosa (Alagoas)
Melhor Produção Cearense: “O melhor amigo”, de Allan Deberton (Ceará)

Prêmio da crítica (Abraccine – Associação Brasileira de Críticos de Cinema)

Longa-metragem: “Emak Bakia”, de Oskar Alegria (Espanha)
Curta-metragem: “Sanã”, de Marcos Pimentel (Minas Gerais/Maranhão)

Melhor Filme da Mostra Olhar do Ceará

1º prêmio: "Meu Amigo Mineiro", de Victor Furtado e Gabriel Martins (ganhador do Troféu Mucuripe, do prêmio Banco do Nordeste no valor de 5 mil reais e também do prêmio Vila das Artes – NPD – Núcleo de Produção Digital)

2º prêmio: "A Rabeca", de Irene Bandeira (prêmio Vila das Artes – NPD – Núcleo de Produção Digital)

Prêmio Olhar Universitário

Melhor Longa: “Emak Bakia”, de Oskar Alegria (Espanha)
Melhor Curta: “Mauro em Caiena”, de Leonardo Mouramateus (Ceará)
Troféu Oscarito: Coletivo Alumbramento

Prêmio Aquisição Canal Brasil

Melhor curta-metragem da Mostra Competitiva (no valor de 15 mil reais): “Sanã” (MG/MA), de Marcos Pimentel

Prêmio Banco do Nordeste

Melhor Produção com Temática Nordestina (curta ou longa escolhido pelo júri da crítica – no valor de 10 mil reais): “Mauro em Caiena”, de Leonardo Mouramateus (Ceará)

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da TV RUSSAS. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. TV RUSSAS poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
PUBLICIDADE | ANUNCIE

VITRINE

REDES SOCIAIS

  • Facebook
  • Twitter
  • Soundcloud
  • Youtube

©2009 - 2017 TV Russas - Conectando você à informação

www.tvrussas.com.br - Todos os direitos reservados