Previsão do Tempo

RUSSAS

32ºC

NOTÍCIAS / POLÍTICA

Pressão e até greve de fome podem ter motivado vereador Edno a desistir de se licenciar

Óticas Diniz

Ricardo Torres

09/08/2013

Enviar por e-mail
Imprimir notícia

Um dia para ficar na historia na Câmara Municipal de Russas, anunciada e confirmada via ofícios a posse do suplente de vereador Lindomar Amorim(PCdoB), na vaga que seria deixada pelo vereador Edno José(PC do B) que na sessão do dia 1º de agosto havia pedido afastamento por 120 dias, para tratar de assuntos particulares, seria deixada, pois o vereador desistiu do pedido e já no dia seguinte elaborava oficio desistindo da solicitação anterior, e pedindo que fosse tornada sem efeito sua solicitação anterior, que havia sido aprovada por unanimidade pelos vereadores do legislativo russano. Apesar de ser datado de 2 de agosto o pedido de desistência de afastamento, o mesmo só foi recebido no dia 07 de agosto, pelo presidente do parlamento russano, o vereador Haroldo  Torquato(PRB) na véspera do dia estipulado para posse de Lindomar, o que foi conformado pelo oficio emitido pela presidência.

 

Lindomar não recebeu nada oficial da desistência, apenas uma ligação lhe havia sido feita por Haroldo Torquato que o informou que não mais aconteceria sua posse, isso no mesmo dia, horas antes do combinado para sua posse.
O suplente em respeito a todos os seus convidados e por não ter nada oficial compareceu a câmara lá chegando, encontrou inclusive pessoas realizando trabalhos de manutenção.

 

Da li em diante, varias reuniões aconteceram e que resultaram na não realização de posse do suplente Lindomar, para o presidente Haroldo Torquato, tudo aconteceu dentro do regimento da casa e da constituição federal alegando ele que a prioridade do mandato é do titular da vaga, e que este poderia voltar a qualquer momento, desde que não tivesse sido dada posse  ao vereador suplente.  Já para o vereador Paulo Santiago(PPL) a presidência da casa descumpriu o regimento, tendo em vista que o pedido de afastamento foi aprovado por unanimidade, e que os vereadores deveriam ser consultados para a desistência do parlamentar da sua licença  de 120 dias, e que isso não poderia ser resumido a um ato administrativo assinado pelo presidente, Haroldo Torquato, vice-presidente, Irapuam Farias e Secretário, Mauricio Martins   “ O plenário é soberano o regimento diz claramente e nenhuma matéria que foi motivo de apreciação do plenário que recebeu parecer favorável das comissões jamais ele poder ser analisado novamente sem que esse plenário decida o encaminhamento daquele propositura”. Disse o vereador Paulo.

 

A noite em sinal de protesto a denominada bancada do povo, não compareceu para a realização da reunião ordinária, que não aconteceu por falta de quorum. 

 

A justiça será o caminho para assegurar ou não a posse do suplente de vereador Lindomar Amorim, popularmente conhecido por Lindomar do Pedro Ribeiro.

 

DENUNCIA GRAVE

O vereador Paulo Santiago nesta sexta pela manhã durante entrevista na rádio Progresso, no programa Jiannino Diangelis, apresentado por Josimar Nascimento disse que o vereador Edno José e sua família sofreram pressão para que o parlamentar voltasse atrás em sua decisão de se afastar, pressão esta exercida pelo irmão do atual presidente da casa João do Torquato, que inclusive resultou em uma greve de fome da filha e esposa do vereador Edno José. “Eu vou revelar uma coisa aqui, eu conversei ontem a tarde com o vereador Edno, conversei com ele, e ele me disse que foi forçado a assinar esse pedido de retorno pela família, por uma filha menor e a esposa, porque o presidente da câmara, o irmão dele Dr. João Torquato foram na residência dele, pressionaram a mulher dele e a filha menor e tanto a filha, quanto a mulher entraram em greve de fome e a filha deixou até de ir para escola, e isso mexeu com ele, e ele se obrigou a assinar esse pedido de desistência que o presidente fez com data atrasada, com data do dia 02, sexta feira,(...) isso o presidente na semana passada na presença do prefeito(Weber Araújo) do Dr. Zilzo e do Gilberto(Rodrigues) fez uma proposta pra mim, para que para fazer uma sessão extraordinária e como nós estávamos de recesso  para acontecer a câmara teria que ser convocada pelo prefeito com antecedência de 7 dias, ele veio me propor para fazer a convocação com data atrasada, então ele praticou isso aí nesse ato” disse o vereador.   

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da TV RUSSAS. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. TV RUSSAS poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
PUBLICIDADE | ANUNCIE

VITRINE

REDES SOCIAIS

  • Facebook
  • Twitter
  • Soundcloud
  • Youtube

©2009 - 2017 TV Russas - Conectando você à informação

www.tvrussas.com.br - Todos os direitos reservados