Previsão do Tempo

RUSSAS

31ºC

NOTÍCIAS / LIFESTYLE

Coca-Cola vendida no Brasil apresenta substâncias que podem causar câncer

Óticas Diniz

TV Russas

28/06/2012

Enviar por e-mail
Imprimir notícia

 

O Centro para Ciência no Interesse público anunciou nesta terça-feira, 27, que a Coca-cola continua apresentando níveis elevados de uma substância química associada a casos de câncer em animais, o 4-metilimidazole, ou 4-MI . O refrigerante, que já foi praticamente eliminado da comercialização na Califórnia, continua a ser vendido em vários países, inclusive no Brasil.

 

Em março, a Coca-Cola e a rival PepsiCo anunciaram mudanças no processo industrial atendendo a uma regra aprovada em plebiscito na Califórnia para limitar a exposição de consumidores a susbstâncias tóxicas. Na ocasião, a Coca-Cola chegou a informar que com o tempo a mudança se estenderia a outros países reduzindo o uso do 4-MI. 

 

Nas amostras brasileiras, havia 267 microgramas de 4-MI por lata. Foram registrados 177 microgramas na Coca-Cola do Quênia, e 145 microgramas em amostras adquiridas em Washington. Entretanto, a empresa afirmou que o corante usado em todos os seus produtos é seguro, e que só solicitou a alteração aos fornecedores para se adequar às regras de rotulagem da Califórnia.


Um porta-voz da FDA (agência de fiscalização de alimentos e remédios dos EUA) disse que uma pessoa teria de consumir "bem mais de mil latas de refrigerante por dia para atingir as doses administradas nos estudos que demonstraram ligações com o câncer em roedores". As informações são do Estadão.

 

blog falecomricardotorres

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da TV RUSSAS. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. TV RUSSAS poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
PUBLICIDADE | ANUNCIE

VITRINE

REDES SOCIAIS

  • Facebook
  • Twitter
  • Soundcloud
  • Youtube

©2009 - 2017 TV Russas - Conectando você à informação

www.tvrussas.com.br - Todos os direitos reservados