Previsão do Tempo

RUSSAS

31ºC

NOTÍCIAS / ESPORTE

Surfista de 16 anos morre ao tentar surfar onda gerada por furacão

Óticas Diniz

Diário do Nordeste

06/09/2017

Enviar por e-mail
Imprimir notícia
O atleta de 16 anos surfava em Barbados junto com Nathan Florence, irmão do campeão mundial John John Florence ( Foto: Reprodução/Facebook )
O atleta de 16 anos surfava em Barbados junto com Nathan Florence, irmão do campeão mundial John John Florence ( Foto: Reprodução/Facebook )

A suspeita é de que Zander Venezia, promessa do surfe, tenha quebrado o pescoço ao se chocar com um recife.

O surfista Zander Venezia morreu na última terça-feira (6) ao surfar em ondas geradas pelo furacão Irma, que se aproxima do Caribe e da costa leste dos Estados Unidos. O atleta de 16 anos surfava em Barbados.
 
Venezia surfava junto com Nathan Florence, irmão do campeão mundial John John Florence, e o americano Balaram Stack. De acordo com o fotógrafo Jimmy Wilson, os dois foram os primeiros a chegarem até onde Venezia estava no momento da tragédia.
 
"Nathan e Balaram foram os primeiros a chegar até ele. Ele estava submerso. Eu fiz a foto de sua última onda. Mas ele conseguiu. Não caiu. Acho que aconteceu algo no caminho. Não temos certeza do que aconteceu", relatou Wilson à revista "Stab".
 
De acordo com o site "Surfline", a suspeita é de que Venezia tenha quebrado o pescoço ao se chocar com um recife. O surfista teria sido retirado da água sangrando por Nathan Florence, que ainda o tentou reanimá-lo. Zander foi encaminhado para o hospital, mas não resistiu.
 
Em conversa com o também surfista Dylan Graves, Zander Venezia afirmara ter surfado "a melhor onda da vida" no local. Em nota oficial, a WSL (liga mundial de surfe), lamentou o ocorrido e prestou condolências aos familiares e amigos de Zander Venezia.
 
O furacão Irma tem sido considerado um dos maios poderosos da década no Atlântico. Segundo o serviço francês de meteorologia Météo France, o Irma tem "uma intensidade sem precedentes". O organismo advertiu que, com ventos que alcançam 295 km/h perto do centro e rajadas de até 360 km/h, o furacão "constitui um fenômeno extremamente perigoso".

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da TV RUSSAS. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. TV RUSSAS poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
PUBLICIDADE | ANUNCIE

VITRINE

REDES SOCIAIS

  • Facebook
  • Twitter
  • Soundcloud
  • Youtube

©2009 - 2017 TV Russas - Conectando você à informação

www.tvrussas.com.br - Todos os direitos reservados