Previsão do Tempo

RUSSAS

24ºC

COLUNISTAS / HILDEBERTO AQUINO

Brasil e seus buracos negros!

Óticas Diniz

Hildeberto Aquino

20/09/2013

Enviar por e-mail
Imprimir notícia

Vivemos sempre de expectativas quando não atrelados e atolados no negativismo imposto pelos nossos desfigurados e carcomidos Poderes Republicanos. Gostaríamos de noticiar e comentar fatos positivos, edificantes, mas não nos propiciam, pelo contrário. Vivemos, disfarçadamente, um sistema anárquico, próximo do tirano. imposto e não nos damos conta. Para onde nos voltamos assistimos ao pior e cada vez mais piorado. Autoridades (dos três Poderes) que não se satisfazem em nos conduzir ao fundo do poço, querem para mais além e quase já sumimos nos “buracos negros” consequentes de suas indecências e por inábeis que se demonstram - o que é reconhecido até por alguns dos seus próprios membros os mais virtuosos; os ainda não contagiados.

Clamamos nas ruas por mudanças em benefício da sociedade já exaurida por tantos desmazelos que nos impingem, mas que sem eco ao constatarmos que eles, bandidos, em especial os de colarinho branco, políticos e outros, são, a cada dia, privilegiados até por quem poderia, tem por dever, coibir/punir - a Justiça! Não é que todo julgamento para que seja considerado justo deva culminar na condenação dos réus. Mas, se já condenados por que rever sentenças quando nenhum fato novo justifique a providência a não ser, como presumido, por decorrência de manobras inexplicáveis e supostamente no interesse de um determinado grupo?

Transparece ao todo da sociedade que bandidos “especiais” não vão para a cadeia e jogam por terra qualquer argumento de que se faz justiça neste País. Ao pobre desassistido o rigor draconiano da lei; aos “especiais”, as brechas jurídicas por eles próprios concebidas e de difícil entendimento para a população e ainda mais quando se invoca “direito constitucional de defesa ampla inerente a todos...” – a exemplo dos tais “embargos infringentes” - um artifício jurídico que funciona para alguns casos, outros não. Externa-se, sem convencimento, a dubiedade da lei e assim se estimula e se sedimenta a impunidade anuída pela complacência, até as últimas instâncias e consequências como agora foi demonstrado, e sob o auspício da nossa corte maior, o Supremo Tribunal Federal - STF.

O “Mensalão” é a prova cabal mais recente da nossa história de como funciona o esquema degradante e incivil de poder em nosso País, sem exceções.

Hildeberto Aquino

Nascido em Crato (CE). Formação: Língua Portuguesa e pós-graduado em Gestão Escolar. Ex-funcionário do Banco do Brasil, 1972/1997, assumiu em Russas em 1982. Corretor de Imóveis. Articulista (crônicas e poesias). Meu lema: "Indigne-se por você e por todos contra as injustiças, quais forem. Clame, exija, exerça a sua cidadania e não seja mais um abmudo!" José HILDEBERTO Jamacaru de AQUINO

Hildeberto Aquino

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da TV RUSSAS. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. TV RUSSAS poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

REDES SOCIAIS

  • Facebook
  • Twitter
  • Soundcloud
  • Youtube

©2009 - 2017 TV Russas - Conectando você à informação

www.tvrussas.com.br - Todos os direitos reservados