Previsão do Tempo

RUSSAS

30ºC

COLUNISTAS / HILDEBERTO AQUINO

Intolerâncias, por quê?

Óticas Diniz

Hildeberto Aquino

04/04/2013

Enviar por e-mail
Imprimir notícia

"Tenho muitos fãs gays, mas a Bíblia diz que o casamento gay não é correto e sou contra. Lutaria até a morte para fazer sua conversão (se tivesse um filho homossexual). Já vi muitos se regenerarem. Conheço muitas mães que sofrem por terem filhos gays. É como um drogado tentando se recuperar. Joelma - Banda Calypso."

 

De repente, dezenas de “famosos” (uns até nem tanto, mas que oportunisticamente aproveitam a ocasião para aparecer) e que há pouco tempo, alguns, diziam-se até fãs, investem contra a cantora Joelma. Não sabemos de qual lado é mais absurda a intolerância. Condenar os gays, alijando-os como se seres inferiores é uma discriminação inaceitável. Já, manifestar-se favoravelmente, ou não, é uma opção plena e legalmente admissível. Somos presumidamente LIVRES para gostar ou não do que for. Em termos religiosos não somos obrigados a aceitar qualquer das tendências que estão postas, mas devemos respeito a todas, desde que não interfiram diretamente na nossa liberdade de escolha mediante imposição.

 

Quanto à tendência sexual, da mesma forma. Gostemos ou não, desde o início da humanidade existem os homossexuais e os heterossexuais. Existem até outras opções e entre elas os assexuados por razões variadas inclusive religiosas (voto de castidade) e os bissexuais. Quem está certo ou errado na sua opção de vida não é da conta de ninguém! Deixemos, pois, de ser intransigentes, radicais na nossa visão de mundo. Respeitemos a opção de escolha do nosso semelhante.

 

Cada um viva a SUA vida. Faz-nos lembrar Martin Luther King e que ora plagiamos: “Eu tenho um sonho. O sonho de ver meus filhos julgados por sua personalidade, não pela cor da sua pele.” Pedimos vênia para acrescentar: “...nem pela sua opção sexual.”

 

Enquanto isso, fatos de extrema importância, passam desapercebidos e nos acovardamos e tememos comentar, por quê? Volta da inflação; crise na Educação; caos na Segurança onde a extrema violência dizima famílias; caos na Saúde etc. E os nossos políticos que poderiam mudar essa caótica situação permanecem apáticos, omissos sem adotar imediatas providências para tentar reverter esse quadro dantesco. Imaginem que já se cogita até da possibilidade de se absolver “mensaleiros” condenados pelo Supremo Tribunal Federal. Nós não duvidamos! Pior que calamos, não ousamos cobrar, não nos mobilizamos e, por isso, padecemos da incúria das nossas autoridades. Por quê?

Hildeberto Aquino

Nascido em Crato (CE). Formação: Língua Portuguesa e pós-graduado em Gestão Escolar. Ex-funcionário do Banco do Brasil, 1972/1997, assumiu em Russas em 1982. Corretor de Imóveis. Articulista (crônicas e poesias). Meu lema: "Indigne-se por você e por todos contra as injustiças, quais forem. Clame, exija, exerça a sua cidadania e não seja mais um abmudo!" José HILDEBERTO Jamacaru de AQUINO

Hildeberto Aquino

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da TV RUSSAS. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. TV RUSSAS poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
PUBLICIDADE | ANUNCIE

VITRINE

REDES SOCIAIS

  • Facebook
  • Twitter
  • Soundcloud
  • Youtube

©2009 - 2017 TV Russas - Conectando você à informação

www.tvrussas.com.br - Todos os direitos reservados